Charles Wuorinen

Nova Iorque, 09 de junho de 1938

  • Charles Wuorinen é considerado, desde há meio século, um estandarte do modernismo na música dos Estados Unidos. Nasceu em Nova Iorque e começou a compor com apenas cinco anos de idade, vindo a receber prémios atribuídos pela Columbia University, onde estudou. Pianista e maestro de grande talento, foi um dos fundadores do Group for Contemporary Music, em 1962, agrupamento ao qual ficou associado durante largos anos. Simultaneamente, leccionava na Columbia University e na Manhattan School of Music, vindo posteriormente a ocupar um lugar como Catedrático na Rutgers University, em New Jersey; o seu livro teórico Simple Composition ainda é muito utilizado no meio académico. Apesar de ter sido muito crítico do conservadorismo das orquestras e da forma como estas eram geridas, foi compositor em residência da Sinfónica de San Francisco, entre 1985 e 1989, e recebeu encomendas de algumas das mais prestigiadas orquestras norte-americanas. O seu catálogo, que inclui mais de 250 obras, contém óperas, bailados, uma oratória, música electroacústica, bem como música de câmara para as mais variadas combinações de instrumentos. Wuorinen recebeu inúmeros galardões, incluindo um Pulitzer Prize e uma MacArthur Fellowship, tendo a maior parte das suas obras gravadas. Embora a sua música tenha evoluído ao longo dos anos, podemos denotar a influência dominante de dois imigrantes nos Estados Unidos, Schönberg e Stravinski, bem como uma ascendência directa do uso da técnica serial dos doze sons na linha do recentemente falecido Milton Babbitt. Sumariamente, uma música que combina rigor de construção num embrulho dinâmico e brilhante.


  • Obras relacionadas

      • Ordernar por

    • more