Casa da Música http://www.casadamusica.com/ 20-02-2018 - 20-02-2019 Gurre-Lieder (22 € - 26€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/02/24-fevereiro-2018-gurre-lieder/49585/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/02/24-fevereiro-2018-gurre-lieder/49585/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música · Coro Casa da Música -

]]> [24/02/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA CORO CASA DA MÚSICA ESTÁGIO DE CORO DA ESMAE Stefan Blunier direcção musical Magdalena Anna Hofmann Tove/soprano Christina Daletska Waldtaube/meio-soprano Robert Dean Smith Waldemar/tenor Jeff Martin Klaus-Narr/tenor André Baleiro Bauer/barítono Salome Kammer narradora   Arnold Schoenberg Gurre-Lieder (versão Erwin Stein)  

]]> Era uma vez um rei dinamarquês, chamado Valdemar, cuja mulher assassinou a sua amante no Castelo de Gurre. Esta lenda, cuja suposta veracidade remonta ao século XII, deu origem às Canções de Gurre com base em poemas de Jacobsen e que Schoenberg conheceu na tradução alemã. O resultado foi uma grande cantata para orquestra, coro, narrador e cinco solistas que personificam as personagens da história de amor. Estreada na celebérrima Musikverein de Viena em 1913, a cantata gozou de um sucesso estrondoso e é considerada uma das grandes obras-primas da música ocidental. Nesta interpretação, sob a direcção do maestro suíço Stefan Blunier, Gurre-Lieder conta com um elenco internacional de solistas do mais alto gabarito e no qual se inclui o jovem barítono português André Baleiro, o mais recente vencedor do prestigiado Concurso Internacional Robert Schumann de Zwickau.   “Blunier interpretou Gurre-Lieder de modo intensamente belo e comunicativo.” — Mundoclasico.com     17:15 Cibermúsica Palestra pré-concerto por João Silva

]]>
A Quinta de Chostakovitch (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/02-marco-2018-a-quinta-de-chostakovitch/49130/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/02-marco-2018-a-quinta-de-chostakovitch/49130/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [02/03/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Vassily Sinaisky direcção musical   P. I. Tchaikovski Serenata para cordas, op.48 – Dmitri Chostakovitch Sinfonia nº 5    

]]> Vassily Sinaisky é internacionalmente reconhecido como um dos grandes maestros russos da actualidade e um especialista no vasto repertório do seu país. Em 1973 ganhou a Medalha de Ouro do Concurso Karajan e iniciou uma carreira de grande sucesso que o levou ao lugar de Maestro Titular e Maestro Convidado Principal de grandes orquestras mundiais. A Quinta Sinfonia de Chostakovitch permanece na história da música como uma das obras mais aplaudidas de sempre. Na sua estreia, recebeu uma ovação superior a meia hora e críticas extremamente elogiosas. Foi escrita num estilo fácil e directo com o propósito de agradar ao público, resultado das duras críticas que as obras anteriores de Chostakovitch tinham recebido.

]]>
Simbolismo Sinfónico (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/10-marco-2018-simbolismo-sinfonico/49618/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/10-marco-2018-simbolismo-sinfonico/49618/?lang=pt Série Descobertas • Integral dos Concertos para Violino de Mozart -

]]> [10/03/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann

]]> Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música Baldur Brönnimann direcção musical Benjamin Schmid violino W. A. Mozart Concerto para violino e orquestra nº 2 Arnold Schoenberg Pelleas und Melisande   17:15 Cibermúsica Palestra pré-concerto por João Silva    

]]> A Integral dos Concertos para Violino de Mozart prossegue com um dos maiores solistas da actualidade. Conhecido como “o violinista completo” pela vastidão do seu repertório que inclui os mais variados estilos, Benjamin Schmid tem mais de 50 discos gravados e inúmeros prémios da crítica internacional. Basta ouvir os primeiros segundos do Segundo Concerto para Violino de Mozart para reconhecer a inspiração divina do jovem prodígio de Salzburgo. A sua escrita é luminosa e extremamente brilhante, sendo aqui entregue às mãos de um reconhecido especialista. Tido como um ícone do Simbolismo, o poema sinfónico Pelleas und Melisande foi inspirado num poema de Maeterlinck e pertence ao período tonal de Schoenberg, retratando os ambientes psicológicos descritos no poema com uma mestria de orquestração insuperável.   “Benjamin Schmid é um representante maravilhosamente eloquente do Concerto, evocando a aura intensa e romântica do vínculo entre compositor e violinista.” — Gramophone

]]>
Apocalipse Bruckner (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/16-marco-2018-apocalipse-bruckner/49131/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/16-marco-2018-apocalipse-bruckner/49131/?lang=pt Serie Clássica ・ Integral das Sinfonias de Bruckner -

]]> [16/03/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA John Storgårds direcção musical   Anton Bruckner Sinfonia nº 8    

]]> Bruckner referia‑ se à Oitava Sinfonia como o seu Mysterium e muitos autores apelidaram‑ na de “Sinfonia apocalíptica”, não sendo de excluir que tenha algum programa interior misterioso, constituindo mais um enigma para a compreensão da personalidade artística de Anton Bruckner. É uma obra monumental, começando pela dimensão colossal da orquestra: três flautas, três oboés, três clarinetes, três fagotes, oito trompas (quatro delas tocando também tubas wagnerianas), três trompetes, três trombones, tuba, percussão, três harpas e cordas. Monumental é também a sua duração aproximada a uma hora e vinte, a maior após a Nona de Beethoven.a duração aproximada a uma hora e vinte, a maior após a Nona de Beethoven. “Com Storgårds, instinto e requinte fundem-se, o que na verdade é um dom raro.” — The Telegraph

]]>
Grande Beethoven (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/23-marco-2018-grande-beethoven/49132/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/23-marco-2018-grande-beethoven/49132/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [23/03/2018 - sexta-feira | 21:30 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música Joseph Swensen direcção musical e violino   L. van Beethoven Abertura Leonora nº 1 L. van Beethoven Romance nº 1 em Sol maior, op.40, para violino e orquestra L. van Beethoven Sinfonia nº 5    

]]> Um programa inteiramente dedicado a Beethoven percorre as diferentes faces da sua obra. A música de cena está representada pela Abertura Leonora nº 1, uma das quatro aberturas que o compositor escreveu para a ópera Fidélio, o grande símbolo da sua ideologia libertária. O Romance para violino e orquestra mostra a vertente mais lírica da escrita concertante de Beethoven, com Joseph Swensen na dupla qualidade de solista e maestro. Por fim, a sinfonia mais célebre de todo o repertório encerra o concerto reafirmando o génio incomparável do compositor de Bona.

]]>
A Quinta de Beethoven (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/25-marco-2018-a-quinta-de-beethoven/49594/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/03/25-marco-2018-a-quinta-de-beethoven/49594/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [25/03/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Joseph Swensen direcção musical Concerto comentado por Gabriela Canavilhas   L. van Beethoven Sinfonia nº 5    

]]> É o motivo mais célebre de toda a música clássica e deu origem à Sinfonia mais conhecida do mundo, a 5ª de Beethoven. O compositor chamou‑ lhe “o destino a bater à porta” pelo carácter fortemente rítmico das suas quatro notas. A partir deste pequeno motivo, Beethoven construiu uma verdadeira catedral, uma dramaturgia imparável e inquietante que deixa os ouvintes presos da primeira à última nota. Gabriela Canavilhas apresenta os momentos fulcrais desta sinfonia empolgante, desde o seu motivo inicial até ao triunfante final.

]]>
O Génio no Século XXI (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/07-abril-2018-o-genio-no-seculo-xxi/49619/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/07-abril-2018-o-genio-no-seculo-xxi/49619/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [07/04/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical   Philippe Manoury/Claude Debussy Rêve (da Primeira Suite para orquestra) Unsuk Chin Mannequin – Magnus Lindberg Concerto para orquestra  

]]> Unsuk Chin e Magnus Lindberg são compositores multipremiados com uma relação especial com a Casa da Música, onde foram Compositores em Residência. Mannequin é a primeira incursão da compositora sul-coreana no universo da dança, ainda que sob a forma de uma coreografia imaginária “para ser dançada sem os pés” – uma homenagem aos grandes bailarinos que fazem o impossível parecer possível. Poucos dominam a escrita para orquestra como o finlandês Magnus Lindberg, um dos compositores contemporâneos mais interpretados em todo o mundo. O seu Concerto para orquestra é disso um excelente testemunho, explorando com enorme mestria o potencial expressivo da orquestra. Um Debussy antes de Debussy – é assim que nos soa o autor, ainda estudante, de uma Suite para orquestra que só há poucos anos foi descoberta. Tendo sido perdida a orquestração de um dos seus andamentos, Philippe Manoury assumiu essa tarefa e apresentou-nos uma peça que prenuncia a sonoridade mais tardia deste ícone do impressionismo musical.   17:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por Daniel Moreira

]]>
Fascínio da Escócia (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/13-abril-2018-fascinio-da-escocia/49133/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/13-abril-2018-fascinio-da-escocia/49133/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [13/04/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Martin André direcção musical Pedro Emanuel Pereira piano   Gioachino Rossini Abertura Semiramide Edvard Grieg Concerto para piano e orquestra – Felix Mendelssohn Sinfonia nº 3, Escocesa  

]]> Inspirada na tragédia sobre a rainha Semiramis da Babilónia, a Abertura Semiramide de Rossini é considerada um exemplo perfeito do nível de sofisticação que esta forma musical atingiu. Do ambiente quente e solarengo das terras da Babilónia partimos para terras distantes e frias, de fadas e duendes, de florestas densas e lagos límpidos. No seu único concerto para piano, Grieg transporta-nos até às montanhas e fiordes monumentais da sua amada Noruega, com as danças e timbres populares soando um pouco por toda a obra. O solista é o jovem pianista português Pedro Emanuel Pereira, vencedor do Prémio Internacional Santa Cecília 2017. Segundo Wagner, Mendelssohn demonstrou ser um “paisagista de primeira ordem” na sua Terceira Sinfonia, aludindo assim à sua capacidade de pintar musicalmente as paisagens das Terras Altas, no norte da Escócia, pejadas de montanhas separadas por lagos de azul celeste que contrastam com o verde puro da vegetação.

]]>
Sinfonia Escocesa (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/15-abril-2018-sinfonia-escocesa/49595/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/15-abril-2018-sinfonia-escocesa/49595/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [15/04/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Martin André direcção musical Concerto comentado por Rui Pereira   Felix Mendelssohn Sinfonia nº 3, Escocesa  

]]> “Fomos hoje, no profundo crepúsculo, ao palácio onde a rainha Mary viveu e amou. A capela já não tem telhado. Heras e ervas cobrem agora o altar quebrado onde Mary foi coroada rainha da Escócia. Está tudo em ruínas, deteriorado à luz do céu claro. Acho que encontrei ali o início da minha sinfonia escocesa.” É este um excerto da carta que Mendelssohn escreveu à família quando visitou Edimburgo na companhia de um amigo. A par desta descrição, o compositor anotou os compassos iniciais da sinfonia, captando a inspiração no local. É com esta carta e a partir desse esboço que partimos à descoberta da Sinfonia Escocesa de Mendelssohn.

]]>
Cantatas de Webern (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/20-abril-2018-cantatas-de-webern/49586/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/20-abril-2018-cantatas-de-webern/49586/?lang=pt Remix Ensemble · Coro Casa da Música · Orquestra Sinfónica -

]]> [20/04/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Peter Rundel, Sala Suggia

]]> 1ª Parte REMIX ENSEMBLE CASA DA MÚSICA CORO CASA DA MÚSICA Peter Rundel direcção musical Christina Daletska soprano   Anton Webern Concerto, op.24; Sinfonia, op.21; Duas canções, op.19; Cantata nº 1, op.29   2ª Parte ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA CORO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical Christina Daletska soprano Ivan Ludlow barítono   Anton Webern Seis peças para orquestra, op.6; Das Augenlicht, op.26; Cantata nº 2, op.31  

]]> Obras raramente apresentadas em concerto, as duas cantatas de Webern foram escritas em plena II Guerra Mundial, numa Áustria ainda ocupada pelo exército nazi, e são manifestamente religiosas, celebrando o amor a Deus e à sua criação apesar de terem sido escritas em ambiente de conflito apocalíptico. Resultam da colaboração que o compositor desenvolveu nos seus últimos anos com a poetisa Hildegard Jone, autora também do texto de Das Augenlicht e uma das suas principais parcerias artísticas. Neste concerto duplo, em que os agrupamentos residentes da Casa da Música apresentam a totalidade das obras de Webern para coro e conjuntos instrumentais, são ainda interpretadas as Duas canções, op.19, com poemas de Goethe, o último autor musicado por Webern antes de se dedicar em exclusivo aos textos de Jone. Do período pré-dodecafónico do compositor, o programa inclui apenas as Seis peças para orquestra, op.6, uma obra programática que descreve episódios ligados à morte da sua mãe.

]]>
Canções e Variações (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/21-abril-2018-cancoes-e-variacoes/49587/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/04/21-abril-2018-cancoes-e-variacoes/49587/?lang=pt Remix Ensemble · Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [21/04/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Agrupamentos residentes, Peter Rundel, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> 1ª Parte REMIX ENSEMBLE CASA DA MÚSICA Peter Rundel direcção musical Christina Daletska soprano   Anton Webern Duas canções, op.8; Quatro canções, op.13; Cinco peças para orquestra, op.10; Seis canções, op.14; Cinco canções sacras, op.15   2ª Parte ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical   Anton Webern Variações para orquestra, op.30; Im Sommerwind; Passacaglia, op.1  

]]> Mais de metade da produção musical de Webern são canções, escritas ao longo de grande parte da sua vida criativa. A aclamada soprano ucraniana Christina Daletska interpreta neste concerto vários conjuntos de canções que são exemplares da linguagem que o compositor vienense desenvolveu durante e após o período em que estudou com Schoenberg – melodias expressivas e atonais, suportadas por orquestrações imaginativas desenhando uma estética que fez ressoar a sua influência através de muitos dos compositores mais relevantes do século XX. Miniaturas que, tal como as Cinco peças para orquestra, se tornaram paradigmáticas na música de Webern – “um romance num único gesto, júbilo num único suspiro”, nas palavras de Schoenberg. A segunda parte deste concerto dá-nos a ouvir uma outra dimensão criativa do compositor: as obras mais extensas de um criador de objectos compactos e profundos. As Variações para orquestra, op.30 foram uma das suas derradeiras criações e a única obra dodecafónica para grande orquestra, e abrem um programa sinfónico que inclui duas obras de juventude com raízes no Romantismo tardio: a famosa Passacaglia e o idílio para orquestra Im Sommerwind, obra descoberta já após a morte do compositor.

]]>
Áustria: Tradição e Actualidade (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/12-maio-2018-áustria-tradicao-e-actualidade/49620/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/12-maio-2018-áustria-tradicao-e-actualidade/49620/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [12/05/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Brad Lubman direcção musical   Franz Schubert Georg Friedrich Haas Torso – Georg Friedrich Haas Natures Mortes Alban Berg Três peças para orquestra, op.6  

]]> Num período de crise pessoal, o compositor austríaco Georg Friedrich Haas teve a sensação de que os mesmos acontecimentos se sucediam de forma recorrente na sua vida. Natures Mortes é um reflexo dessa sensação e divide-se em três fases, cada uma caminhando em espiral novamente para o início. Procurando sempre territórios inexplorados a cada nova obra, as criações do Compositor em Residência na Casa da Música têm, ainda assim, raízes firmes na tradição. A profunda admiração que tem por Schubert levou-o a escrever Torso, uma orquestração da inacabada Sonata para piano em Dó maior, D. 840. Também as Três peças para orquestra de Alban Berg são uma homenagem, neste caso ao seu professor Arnold Schoenberg. Obra marcante da Segunda Escola de Viena, concilia o atonalismo com a arquitectura das grandes formas tardo-românticas sob inspiração de Mahler.   “Brad Lubman extraiu o melhor do ensemble e de cada músico e soube como fazer a obra cantar e respirar.” — musicologie.org   17:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por Daniel Moreira

]]>
De Mozart a Tchaikovski (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/18-maio-2018-de-mozart-a-tchaikovski/49134/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/18-maio-2018-de-mozart-a-tchaikovski/49134/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [18/05/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Pedro Neves direcção musical   W. A. Mozart Seis danças alemãs, KV 509 Richard Strauss Don Juan – P. I. Tchaikovski Sinfonia nº 5  

]]> O desejo, a posse e o desespero são os ingredientes que fazem do poema sinfónico Don Juan uma das partituras mais apreciadas do repertório sinfónico. Richard Strauss escreveu a música como quem conta uma história e a partitura tem momentos descritivos absolutamente fantásticos que nos transportam para o mundo das imagens e dos sentidos. Tchaikovski escreveu a Quinta Sinfonia a partir de um programa que nunca desvendou, como se fosse igualmente um grande poema sinfónico unido sob uma mesma ideia, a de um destino ao qual, tal como aconteceu a Don Juan, não podemos escapar. O concerto tem início com as Seis danças alemãs que Mozart escreveu no mesmo ano em que estreou a sua ópera Don Giovanni e cuja alegria é absolutamente contagiante.

]]>
A Quinta de Tchaikovski (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/20-maio-2018-a-quinta-de-tchaikovski/49596/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/20-maio-2018-a-quinta-de-tchaikovski/49596/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [20/05/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Pedro Neves direcção musical Concerto comentado por Mário Azevedo   P. I. Tchaikovski Sinfonia nº 5  

]]> Num pequeno livro de apontamentos de Tchaikovski, uma página com a data de 15 de Abril de 1888 revela‑ nos o seguinte: “Introdução – Resignação total perante o destino, ou, o que é semelhante, os inescrutáveis desígnios da Providência. Allegro. (i) Murmúrios de dúvida, queixas, reprovação em relação a XXX. (2) Deverei entregar‑ me sem reservas à fé??? Um programa maravilhoso, consiga eu realizá‑ lo.” As palavras foram escritas em relação à Quinta Sinfonia e deram origem a diversas teorias, por vezes conspirativas, em relação a estes “X”. Será o mistério resolvido neste concerto comentado? Mário Azevedo guia‑ nos ao longo de excertos da sinfonia, antecipando a sua interpretação sob a direcção do maestro Pedro Neves.

]]>
Um Maestro ao Piano (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/25-maio-2018-um-maestro-ao-piano/49135/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/05/25-maio-2018-um-maestro-ao-piano/49135/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [25/05/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Christian Zacharias direcção musical e piano   Joseph Haydn Sinfonia nº 49, La passione W. A. Mozart Concerto para piano e orquestra nº 14 – Franz Schubert Sinfonia nº 2  

]]> O pianista e maestro alemão Christian Zacharias gravou todos os concertos de Mozart, alcançando aquela que é uma das mais apreciadas integrais da discografia mozartiana. Na sua brilhante carreira como maestro tem dirigido as mais prestigiadas orquestras mundiais, dedicando a maior parte dos seus programas aos clássicos da Primeira Escola de Viena. Na sua estreia à frente da Orquestra Sinfónica Casa da Música, Zacharias escolhe obras da sua predilecção pelas quais é mundialmente reconhecido enquanto pianista e maestro.   “Se quiser assistir a um milagre basta ouvir Christian Zacharias interpretar Mozart no duplo papel de pianista e maestro.” –The Berkshire Edge

]]>
O impulso de Bruckner (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/02-junho-2018-o-impulso-de-bruckner/49146/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/02-junho-2018-o-impulso-de-bruckner/49146/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [02/06/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Leopold Hager, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Leopold Hager direcção musical   Friedrich Cerha Impulse – Anton Bruckner Sinfonia nº 6  

]]> Bruckner chamou à sua Sexta Sinfonia “a mais atrevida”. Na verdade, ela é das suas sinfonias onde mais ideias proliferam e a orquestração tem rasgos de génio que não deixam nenhum ouvinte indiferente. A sua estreia decorreu em Viena, em 1883, com a célebre Filarmónica de Viena, a mesma orquestra para que Friedrich Cerha escreveu a peça de celebração dos 150 anos da Orquestra, Impulse. Natural de Viena, Friedrich Cerha é dos mais aclamados compositores da actualidade, tendo recebido os prémios internacionais mais importantes no domínio da música, tais como o Leão de Ouro da Bienal de Veneza em 2006, o Prémio de Composição de Salzburgo em 2011 ou o Prémio Ernst von Siemens em 2012. O concerto é dirigido por um dos mais reconhecidos maestros austríacos do nosso tempo, Leopold Hager.   17:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por Rui Pedro Alves  

]]>
Celebrar Sibelius (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/08-junho-2018-celebrar-sibelius/49136/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/08-junho-2018-celebrar-sibelius/49136/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [08/06/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Arvo Volmer direcção musical Benjamin Schmid violino   Felix Mendelssohn Abertura Sonho de uma Noite de Verão W. A. Mozart Concerto para violino e orquestra nº 3 – Jean Sibelius Sinfonia nº 5  

]]> A obra mais popular de toda a produção de Mendelssohn é a Abertura para a peça Sonho de uma Noite de Verão de Shakespeare, que escreveu quando tinha apenas dezassete anos de idade. Nela são apresentados musicalmente os mundos das fadas, dos nobres amantes e do povo, que se interligam na comédia. O aclamado director musical da Orquestra Haydn, Arvo Volmer, estreia-se à frente da Orquestra Sinfónica neste programa que prossegue a Integral dos Concertos para Violino de Mozart, com o multipremiado violinista Benjamin Schmid. Mozart tinha 19 anos quando escreveu o célebre Concerto nº 3 em Sol maior, e relatou numa carta ao pai como todos elogiaram a pureza do seu som quando o tocou numa ocasião em Augsburg. Não são muitas as pessoas que vêem o seu dia de aniversário declarado feriado nacional. Foi dessa forma que a Finlândia homenageou Sibelius, ainda em vida, tendo-lhe encomendado a Quinta Sinfonia para as celebrações do 50º aniversário do próprio compositor.

]]>
Danças Sinfónicas (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/15-junho-2018-dancas-sinfonicas/49137/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/15-junho-2018-dancas-sinfonicas/49137/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [15/06/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical Veriko Tchumburidze violino   Igor Stravinski Canção Fúnebre Aram Khatchaturian Concerto para violino e orquestra – Sergei Rachmaninoff Danças Sinfónicas  

]]> Com apenas 20 anos, Veriko Tchumburidze ganhou o 1º Prémio no prestigiado Concurso de Violino Wienavski em 2016, atraindo de imediato a atenção dos principais festivais e orquestras mundiais. Estreia‑ se na Casa da Música para interpretar uma das obras mais populares do compositor arménio Aram Khatchaturian, o Concerto para violino e orquestra. Tocada pela primeira vez em 1909, a partitura de Canção Fúnebre esteve perdida mais de 100 anos, tendo sido reencontradas as partes orquestrais em 2015 no Conservatório de São Petersburgo. Desde a estreia moderna em 2016, a obra tem sido tocada pelas principais orquestras do mundo, revelando aquela que o compositor russo considerava a sua melhor composição anterior ao Pássaro de Fogo. O programa completa‑ se com o modernismo e lirismo presentes nas Danças Sinfónicas, a última obra que Rachmaninoff escreveu.

]]>
Génio Russo (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/17-junho-2018-genio-russo/49597/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/17-junho-2018-genio-russo/49597/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [17/06/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical Concerto comentado por Ana Liberal   Igor Stravinski Canção Fúnebre Sergei Rachmaninoff Danças Sinfónicas  

]]> Foi no fundo de um arquivo do Conservatório de São Petersburgo, inacessível durante décadas, que surgiram as partes orquestrais de uma obra perdida de Stravinski. Dedicada ao seu professor Rimski‑Korsakoff, Canção Fúnebre tinha sido tocada apenas uma vez, em 1909, vindo a desaparecer com a Revolução Russa. 107 anos depois ocorreu a estreia moderna desta peça-chave da obra de Stravinski, que permite melhor conhecer o jovem compositor nos anos imediatamente anteriores à fama internacional. Ana Liberal revela as histórias escondidas sob esta descoberta espantosa e apresenta ainda as Danças Sinfónicas de Rachmaninoff, a última obra que este assinou três anos antes de morrer.

]]>
4 Trompas Alpinas e uma Orquestra? (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/30-junho-2018-4-trompas-alpinas-e-uma-orquestra/49147/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/06/30-junho-2018-4-trompas-alpinas-e-uma-orquestra/49147/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música · Hornroh Modern Alphorn Quartet -

]]> [30/06/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA HORNROH MODERN ALPHORN QUARTET Stefan Blunier direcção musical   Georg Friedrich Haas Concerto grosso nº 1, para quatro trompas alpinas e orquestra – Anton Bruckner Sinfonia nº 1  

]]> Não é todos os dias que se vê a imagem insólita de quatro trompas alpinas, instrumento tradicional dos Alpes com mais de três metros de comprimento, à frente de uma orquestra sinfónica. O mesmo se poderia dizer das sonoridades que Georg Friedrich Haas explora no seu primeiro Concerto grosso – uma forma criada no período Barroco e que se caracteriza pela oposição da orquestra a um grupo de solistas, neste caso o Hornroh Modern Alphorn Quartet. A Primeira Sinfonia de Bruckner está longe de ser uma obra de juventude – o compositor contava já 41 anos quando a terminou e estava no pleno domínio das suas capacidades técnicas e criativas. Foi a única sinfonia que compôs em Linz, antes de se mudar para Viena, e inaugura o conjunto que se tornará o grande legado de Bruckner para a história da música: um conjunto de obras que funde a envergadura arrebatadora das sinfonias de Beethoven com as mais ousadas linguagens harmónicas do seu tempo.   20:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por Rui Pedro Alves  

]]>
Prémio Suggia (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/07/06-julho-2018-premio-suggia/49588/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/07/06-julho-2018-premio-suggia/49588/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [06/07/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Christoph Altstaedt direcção musical Jonas Palm violoncelo   Joachim Raff Ein feste Burg ist unser Gott? Robert Schumann Concerto para violoncelo e orquestra - Felix Mendelssohn Sinfonia nº 5, em Ré maior, “Reforma”  

]]> O belíssimo Concerto para violoncelo de Schumann é a mais importante obra do género escrita para violoncelo na primeira metade do século XIX. Apesar de não ser um violoncelista exímio, Schumann sabia tocar o instrumento pois foi a ele que se dedicou após a lesão numa mão que arruinou a sua carreira de pianista. No entanto, esta não é uma obra de virtuosismo e fogo-de-vista gratuito, sendo pela densidade emocional e pelas bonitas sonoridades que conquista os ouvintes e os próprios intérpretes. É esta a escolha do violoncelista alemão Jonas Palm, aluno de Clemens Hagen (Quarteto Hagen) na Universidade Mozarteum de Salzburgo, para o concerto da sua consagração enquanto vencedor do Prémio Suggia/Casa da Música 2017. Escrita para uma peça teatral sobre a Guerra dos Trinta Anos, a peça de Raff em programa tem por base um célebre coral luterano e estabelece uma coerente ligação com o tema da Quinta Sinfonia de Mendelssohn, dita “Reforma”.

]]>
Concertos na Avenida http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/08-setembro-2018-concertos-na-avenida/2200/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/08-setembro-2018-concertos-na-avenida/2200/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música

]]> [08/09/2018 - sábado | 22:00 | Avenida dos Aliados] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Entrada Livre

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical   Johann Strauss II Abertura de O morcego George Enesco Rapsódia Romena nº 1 Johannes Brahms Dança húngara nº 5 R. Vaughan Williams Fantasia sobre Greensleeves Aaron Copland Hoe down (Rodeo) Erich Korngold The Sea Hawk Georges Bizet Suite nº 1 de Carmen Johann Strauss I Marcha Radetzky  

]]> A Orquestra Sinfónica desce à Avenida dos Aliados numa das noites mais festivas da programação para brindar o público com música célebre do repertório sinfónico, desde a melhor tradição vienense de Strauss, passando pelo arranjo orquestral de Vaughan Williams sobre uma famosa melodia tradicional inglesa até aos ambientes musicais associados ao Oeste americano descritos por Copland. O programa inclui ainda a emocionante banda sonora de Korngold para o filme The Sea Hawk, reconhecida como um dos momentos altos da carreira do compositor austríaco que se celebrizou em Hollywood. E porque festa poderá ser sinónimo de dança, Brahms e Enesco trazem-nos obras sinfónicas inspiradas nas canções e danças do Leste europeu. Quem também marca presença é a sensual Carmen, a cigana espanhola amada por tantos e imortalizada por compositores como Bizet.

]]>
A Fé de Bruckner (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/14-setembro-2018-a-fe-de-bruckner/49138/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/14-setembro-2018-a-fe-de-bruckner/49138/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [14/09/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Vassily Sinaisky direcção musical   Anton Bruckner Sinfonia nº 5  

]]> A monumental Quinta Sinfonia foi descrita por Langevin como sendo “a mais bela missa escrita por Bruckner”. O seu carácter contrapontístico, os elementos corais e a narrativa cíclica confirmam o domínio completo de todas as vertentes técnicas da composição. Apesar de toda a religiosidade e misticismo que circundam a vida de Bruckner, esta é na verdade uma das suas obras mais profundamente intelectuais. Com quatro andamentos imponentes e um colossal Finale, é um autêntico marco na obra do compositor austríaco. A Orquestra Sinfónica Casa da Música será dirigida por Vassily Sinaisky, maestro russo com uma aclamada carreira internacional lançada em 1973 após a conquista da Medalha de Ouro no prestigiado Concurso Karajan em Berlim.

]]>
Sinfonia Fantástica (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/22-setembro-2018-sinfonia-fantastica/49621/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/22-setembro-2018-sinfonia-fantastica/49621/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [22/09/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Encomendas Casa da Música, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Brad Lubman direcção musical   Johannes Schöllhorn Bach Fantasia BWV 922 (estreia mundial; encomenda Casa da Música) Julian Anderson Fantasias – Hector Berlioz Sinfonia Fantástica  

]]> A Sinfonia Fantástica de Berlioz é, a todos os níveis, um feito extraordinário. É a primeira sinfonia de um jovem estudante, ainda aluno do Conservatório, mas demonstra uma audácia e capacidade de inovação surpreendentes, a par de uma mestria de orquestração genial. Uma outra celebração das sonoridades da orquestra sinfónica é aquela que o britânico Julian Anderson escreveu bem mais recentemente, com a obra Fantasias. Recheada de contrastes e com grande variedade de formas, explora a sensação de capricho e de imprevisibilidade que caracteriza historicamente o termo “fantasia”. Schöllhorn assinou já um conjunto de orquestrações contemporâneas de vários contrapontos da Arte da Fuga (gravadas em CD pelo Remix Ensemble). A obra que inicia este concerto é uma visita a outra faceta do grande mestre do Barroco, recriando uma obra de carácter tão imaginativo que, nas palavras de Alfred Brendel, “nenhum compasso revela para onde o próximo poderá ir”.   17:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por Rui Pereira

]]>
Todos os caminhos vão dar a Viena (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/28-setembro-2018-todos-os-caminhos-vao-dar-a-viena/49139/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/28-setembro-2018-todos-os-caminhos-vao-dar-a-viena/49139/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [28/09/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Thomas Zehetmair direcção musical   Franz Schubert Abertura Alfonso und Estrella Antonio Salieri Vinte e seis variações sobre La Folia – L. van Beethoven Sinfonia nº 4  

]]> O violinista austríaco Thomas Zehetmair regressa à Sala Suggia, agora na qualidade de maestro, para dirigir um programa com nomes incontornáveis da vida musical vienense. A Abertura para Alfonso und Estrella foi escrita para uma ópera que Schubert não veria estreada e ainda hoje conta raríssimas encenações, mas é um excelente exemplo da enorme inventividade melódica do compositor. De naturalidade italiana mas compositor oficial da corte de José II, Arquiduque da Áustria, Antonio Salieri escreveu 26 variações sobre La Folia, a dança que terá surgido em Portugal no século XV e que figura entre os temas musicais mais antigos da Europa. Das nove sinfonias de Beethoven, a quarta é provavelmente a menos interpretada mas também nela conseguimos escutar os detalhes característicos da sua linguagem.   “O uso sensível que Zehetmair faz do vibrato e a sua variedade de fraseio e cor é impressionante e envolvente.” — BBC Music Magazine

]]>
A Quarta de Beethoven (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/30-setembro-2018-a-quarta-de-beethoven/49598/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/09/30-setembro-2018-a-quarta-de-beethoven/49598/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [30/09/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Thomas Zehetmair direcção musical Concerto comentado por Daniel Moreira   L. van Beethoven Sinfonia nº 4  

]]> Robert Schumann descreveu a Quarta Sinfonia de Beethoven, em relação às sinfonias vizinhas, como uma “delicada donzela entre dois gigantes nórdicos”. Já Hector Berlioz considerou que “o carácter geral da partitura é animado, vivo, alegre e com uma doçura celestial”. O compositor Daniel Moreira guia-nos através daquela que será provavelmente a sinfonia de Beethoven menos escutada nas salas de concerto.

]]>
A Segunda de Bruckner (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/12-outubro-2018-a-segunda-de-bruckner/49140/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/12-outubro-2018-a-segunda-de-bruckner/49140/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [12/10/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Michael Sanderling direcção musical Rui Lopes fagote   W. A. Mozart Concerto para fagote e orquestra em Si bemol maior, K.191 – Anton Bruckner Sinfonia nº 2  

]]> Primeira obra concertante escrita por Mozart para um instrumento de sopro, o Concerto para fagote está no topo das preferências no repertório para este instrumento. O português Rui Lopes, solista premiado com uma intensa carreira internacional, gravou-o já num CD com a English Chamber Orchestra que conquistou os maiores elogios da crítica. O aclamado maestro alemão Michael Sanderling, apelidado como “desenhador do som” pela crítica internacional, dirige a Orquestra Sinfónica em mais um capítulo da Integral das Sinfonias de Bruckner. Escrita num período em que procurava desesperadamente afirmar-se como compositor, a segunda sinfonia conquistou os elogios da crítica mas não a simpatia dos músicos, que protestaram com as várias paragens que a partitura impunha. Bruckner encerrou o caso assim: “Sempre que tenho algo de novo ou importante para dizer, preciso antes de parar para tomar fôlego.”

]]>
Bruckner Explicado (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/14-outubro-2018-bruckner-explicado/49599/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/14-outubro-2018-bruckner-explicado/49599/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [14/10/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Michael Sanderling direcção musical Concerto comentado por Helena Marinho   Anton Bruckner Sinfonia nº 2 (excertos)  

]]> “Sempre que tenho algo de novo ou importante para dizer, preciso antes de parar para tomar fôlego.” Assim respondeu Bruckner aos comentários maldosos dos músicos da Filarmónica de Viena que criticaram a partitura da Segunda Sinfonia, “interrompida infinitamente” por pausas. Helena Marinho desvenda os detalhes e as histórias por detrás de uma monumental sinfonia que se mantém entre as menos interpretadas de Bruckner, mas que tem o hábito de converter os ouvintes à sua intensidade emocional após a primeira audição.

]]>
De Mozart a Mahler (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/20-outubro-2018-de-mozart-a-mahler/49623/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/20-outubro-2018-de-mozart-a-mahler/49623/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [20/10/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Olari Elts direcção musical Benjamin Schmid violino   Peter Eötvös Diálogo com Mozart W. A. Mozart Concerto para violino e orquestra nº 4 – Gustav Mahler Totenfeier Gustav Mahler Sinfonia nº 10, Adagio  

]]> Não é novidade que a música de Mozart conquistou não apenas os públicos, mas também gerações de compositores de todas as proveniências. Num programa que prossegue a Integral dos Concertos para Violino, na interpretação do multipremiado violinista vienense Benjamin Schmid, a homenagem ao génio de Salzburgo é explícita numa obra de Peter Eötvös. Diálogo com Mozart é uma transcrição para orquestra de Da capo, estreada pelo Remix Ensemble em 2014, e que transforma fragmentos ou ideias esboçadas por Mozart que não resultaram em composições finalizadas. Também Mahler foi um confesso admirador do célebre compositor, e como maestro foi um dos responsáveis pela inclusão das suas óperas no centro do repertório. O poema sinfónico Totenfeier (Cerimónia Fúnebre) foi escrito num período muito produtivo mas assombrado por um amor impossível. A antevisão da morte e os triângulos amorosos, que tanto moldaram os humores de Mahler, dominam também a época em que iniciou a sua 10ª Sinfonia. A intensidade de sentimentos reflecte-se na própria intensidade do Adagio, mas a reconciliação final prevista para o final da sinfonia ficou por realizar.   17:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por João Silva  

]]>
O Mundo de Mahler (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/26-outubro-2018-o-mundo-de-mahler/49141/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/10/26-outubro-2018-o-mundo-de-mahler/49141/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [26/10/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical   Gustav Mahler Sinfonia nº 7  

]]> Cem anos após a estreia em Praga, a Sétima Sinfonia mantém‑ se entre as obras mais enigmáticas da história da música ocidental. Das nove sinfonias escritas por Mahler, será provavelmente a mais arrojada no uso das harmonias, nela abundando dissonâncias e modulações súbitas. “Qual o andamento de que eu mais gosto? Todos eles!”, escreveu Arnold Schoenberg ao compositor austríaco, numa carta que demonstra a sua admiração pela sinfonia “com o ambiente certo do início até ao fim”. Sobre o triunfante final em Dó maior que tantas controvérsias ainda hoje suscita, Mahler esclareceu: “O mundo é meu!”.

]]>
As Estações (22 € - 28€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/03-novembro-2018-as-estacoes/49589/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/03-novembro-2018-as-estacoes/49589/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música · Coro Casa da Música -

]]> [03/11/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Leopold Hager, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA CORO CASA DA MÚSICA Leopold Hager direcção musical Christina Landshamer soprano Martin Mitterrutzner tenor Tareq Namzi baixo   Joseph Haydn As Estações  

]]> Depois do êxito que foi A Criação, Haydn volta a trabalhar com o libretista Van Swieten numa grande oratória e acaba por escrever aquela que se revelaria uma das suas maiores obras-primas. Desenhada aparentemente como uma reflexão sobre a Natureza, a oratória As Estações começa com o lançamento das sementes na Primavera, descreve a aurora de um dia de Verão e uma arrebatadora tempestade, assinala as colheitas de Outono e sentencia um Inverno rigoroso que tudo apaga. Na verdade, é uma alegoria da vida que se constrói sobre um manancial riquíssimo de ideias melódicas nascidas da autenticidade das canções tradicionais, mas explorando também uma linguagem erudita que sugere a real profundidade da obra – a inexorável marcha da vida e a esperança numa nova existência, “livre para sempre de sofrimento e morte”.

]]>
Contos de Viena (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/10-novembro-2018-contos-de-viena/49590/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/10-novembro-2018-contos-de-viena/49590/?lang=pt Orquestra Sinfónica · Remix Ensemble Casa da Música -

]]> [10/11/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Agrupamentos residentes, Peter Rundel, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA REMIX ENSEMBLE CASA DA MÚSICA Peter Rundel direcção musical Benjamin Schmid violino   Franz Schubert Rosamund (excertos) W. A. Mozart Concerto para violino e orquestra nº 5 – Georg Friedrich Haas Concerto grosso nº 2, para orquestra e ensemble Johann Strauss II Contos dos Bosques de Viena  

]]> O Remix Ensemble partilha pela primeira vez o palco com a Orquestra Sinfónica, actuando como ensemble de solistas para um Concerto grosso contemporâneo do Compositor em Residência 2018. Partindo desta forma característica do período Barroco, Haas explora os contrastes entre o intimismo da música de câmara e o poder sonoro da orquestra sinfónica. Neste programa inteiramente centrado no Ano Áustria, merece destaque o regresso do violinista virtuoso Benjamin Schmid, que encerra a Integral dos Concertos para Violino de Mozart com o célebre Concerto Turco, onde podemos imaginar as percussões tradicionais através de efeitos nos violoncelos e nos contrabaixos. Representação clássica da música vienense são as famosas valsas, especialmente com as criações da família Strauss. Contos dos Bosques de Viena é uma grande valsa em forma de poema sinfónico, com tamanha força comunicativa que a tornou uma das mais célebres de sempre.   17:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por Ana Liberal

]]>
Clássicos em Praga (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/16-novembro-2018-classicos-em-praga/49142/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/16-novembro-2018-classicos-em-praga/49142/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [16/11/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Joseph Swensen direcção musical   W. A. Mozart Abertura de Don Giovanni W. A. Mozart Sinfonia nº 38, “Praga” – Antonín Dvořák Sinfonia nº 7  

]]> Segundo a lenda, a abertura de Don Giovanni terá sido escrita na noite anterior à estreia da ópera, prenunciando a luz e as trevas que surgirão na história do protagonista de Don Giovanni. O aprofundamento da linguagem mozartiana é visível na Sinfonia nº 38, obra estreada em Praga, cidade que apenas alguns dias antes tinha recebido com entusiasmo As Bodas de Fígaro. Quase cem anos depois, o compositor checo Dvořák estreava a sua Sétima Sinfonia em Londres. Nela combina a tradição sinfónica europeia (especialmente de Beethoven e Brahms) com a influência da música tradicional da Boémia.

]]>
Sinfonia de Resistência (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/18-novembro-2018-sinfonia-de-resistencia/49600/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/18-novembro-2018-sinfonia-de-resistencia/49600/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [18/11/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Joseph Swensen direcção musical Concerto comentado por Gabriela Canavilhas   Antonin Dvořák Sinfonia nº 7  

]]> Para o prestigiado musicólogo do século XIX Donald Francis Tovey, a Sétima de Dvořák ocupava um lugar “entre os maiores e mais puros exemplos de arte desde Beethoven”, ao lado da Sinfonia em Dó maior de Schubert e das quatro sinfonias de Brahms. Dvořák colou no manuscrito uma foto do maestro Hans von Büllow com o seguinte elogio: “Glória, tu deste vida a esta obra!”. Guiados pelos comentários de Gabriela Canavilhas, desvendamos aquela que é considerada uma das obras mais profundas e maduras de Dvořák.

]]>
Bruckner na Despedida (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/24-novembro-2018-bruckner-na-despedida/49148/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/24-novembro-2018-bruckner-na-despedida/49148/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [24/11/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Michael Boder direcção musical   Arnold Schoenberg Sinfonia de Câmara nº 2 – Anton Bruckner Sinfonia nº 9  

]]> “Um adeus à vida”, foi este o epíteto que o próprio Bruckner atribuiu ao terceiro andamento da sua Nona Sinfonia. O compositor concluíra‑o dois anos antes de morrer, mas o seu frágil estado de saúde não lhe permitiu terminar o último andamento, dele restando múltiplos esboços fragmentados. Contando com a direcção do maestro Michael Boder, um dos grandes especialistas na música do século XX, o programa completa‑se com a Sinfonia de Câmara nº 2 de Schoenberg, obra que o compositor iniciou em 1906 mas só 33 anos mais tarde concluiria – representando assim um raro regresso à linguagem tonal que há muito tinha sido abandonada pelo criador do dodecafonismo.   “Michael Boder dirigiu com um domínio maravilhoso e uma precisão cuidada, equilibrando com perfeição os fluxos e refluxos da partitura.” — Opera

]]>
La Valse! (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/30-novembro-2018-la-valse/49143/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/11/30-novembro-2018-la-valse/49143/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [30/11/2018 - sexta-feira | 21:30 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical   Joly Braga Santos Sinfonia nº 4 Maurice Ravel La Valse  

]]> “Turbilhões de nuvens deixam adivinhar, por entre algumas abertas, pares a valsarem. As nuvens desvanecem-se e revelam um salão onde uma multidão rodopia. A luz dos lustres brilha no tecto. É uma corte imperial por volta de 1855.” Assim descreveu Ravel a sua partitura La Valse, uma homenagem à dança mais emblemática de Viena, a capital do País-Tema 2018 na Casa da Música. Joly Braga Santos foi o maior sinfonista português de sempre, com um total de seis sinfonias para orquestra no seu catálogo. Procurava recuperar o monumentalismo musical perdido nas gerações que lhe precederam, e contribuir para a afirmação de um sinfonismo latino. A Quarta Sinfonia é precisamente a mais grandiosa do conjunto, com ecos de Bruckner, Sibelius ou Beethoven. A influência da Sinfonia Coral deste último faz-se ouvir no último andamento, um Hino à Juventude brilhante e contagiante.

]]>
Bruckner e Haas (14 € - 18€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/09-dezembro-2018-bruckner-e-haas/49149/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/09-dezembro-2018-bruckner-e-haas/49149/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [09/12/2018 - domingo | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical Miranda Cuckson violino   Gonçalo Gato nova obra para orquestra (estreia mundial; encomenda Casa da Música) Georg Friedrich Haas Concerto para violino e orquestra (estreia em Portugal; encomenda Casa da Música, Suntory Hall Tokyo e Staatstheater Stuttgart) – Anton Bruckner Sinfonia nº 3  

]]> A violinista norte-americana Miranda Cuckson tem-se revelado uma intérprete fundamental da nova música, favorita de inúmeros compositores. É o caso de Georg Friedrich Haas, que lhe dedicou um Concerto marcado pela sua linguagem inovadora, uma obra de grande profundidade psicológica e com um impacto visceral. Bruckner foi um enorme devoto de Wagner, cuja música conheceu apenas aos 40 anos, mas que poderá ter sido o grande estímulo para o arranque da sua monumental obra sinfónica. Essa predilecção foi também causa do envolvimento involuntário do compositor austríaco na célebre querela entre os admiradores de Brahms e os de Wagner, resultando numa resistência do mundo musical vienense à sua obra. A Terceira Sinfonia é dedicada precisamente a Wagner, que ficou impressionado com a sua audição e comentou, mais tarde, que Bruckner era o único sinfonista que se aproximava de Beethoven.    17:15 Cibermúsica Palestra pré‑concerto por Gonçalo Gato

]]>
Mahler Profético (19 € - 23€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/14-dezembro-2018-mahler-profetico/49145/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/14-dezembro-2018-mahler-profetico/49145/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [14/12/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Michael Sanderling direcção musical   Gustav Mahler Sinfonia nº 6  

]]> Depois de terminada a composição da Sinfonia nº 6, Gustav e Alma Mahler passaram vários serões tocando passagens inteiras da sinfonia e desfazendo‑ se em lágrimas nos momentos de maior intensidade. Conhecida como Sinfonia Trágica, revela uma mente ao mesmo tempo desejosa de viver mas contemplando a morte olhos nos olhos. Apesar de ter sido escrita num momento de felicidade familiar, esta é uma obra profética que parece adivinhar as enormes perdas que o compositor enfrentará nos anos seguintes. A direcção musical está a cargo de Michael Sanderling, maestro titular da Filarmónica de Dresden.

]]>
Mahler explicado (12€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/16-dezembro-2018-mahler-explicado/49601/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/16-dezembro-2018-mahler-explicado/49601/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [16/12/2018 - domingo | 12:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Concerto comentado, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Michael Sanderling direcção musical Concerto comentado por Daniel Moreira   Gustav Mahler Sinfonia nº 6 (excertos)  

]]> Considerada por muitos a mais perfeita sinfonia de Mahler, a Sexta Sinfonia é sem dúvida uma das favoritas dos melómanos. De carácter premonitório por anteceder o período mais trágico da vida de Mahler, encontra-se rodeada de enigmas e mistérios. O que terá levado Mahler a escrever uma obra tão dramática num período coroado pelo sucesso profissional e pela felicidade conjugal? Os comentários de Daniel Moreira guiam-nos através de uma das obras mais enigmáticas e marcantes da música ocidental.

]]>
A Bela Adormecida (22 € - 28€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/21-dezembro-2018-a-bela-adormecida/49591/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/21-dezembro-2018-a-bela-adormecida/49591/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [21/12/2018 - sexta-feira | 21:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical Rui Pereira guião e narração   P. I. Tchaikovski A Bela Adormecida  

]]> Uma bela princesa é vítima de um feitiço terrível, mal acaba de nascer: aos 16 anos picar-se-á numa roca de fiar e permanecerá adormecida durante 100 anos. O que a irá salvar, claro, é o beijo de um príncipe aventureiro. O mais clássico dos contos de fadas, assinado por Charles Perrault, inspirou Tchaikovski a escrever um bailado que ganhou um lugar definitivo no repertório clássico – ainda que o próprio compositor não tenha tido oportunidade de assistir ao seu êxito internacional, que perdura até hoje. As orquestrações brilhantes e as melodias arrebatadoras do compositor russo continuam a emocionar e são a banda sonora perfeita para um Natal onde a fantasia é sempre bem-vinda.

]]>
A Bela Adormecida (22 € - 28€) http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/22-dezembro-2018-a-bela-adormecida/49639/?lang=pt http://www.casadamusica.com/pt/agenda/2018/12/22-dezembro-2018-a-bela-adormecida/49639/?lang=pt Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música -

]]> [22/12/2018 - sábado | 18:00 | Sala Suggia] - Clássica - Agrupamentos residentes, Baldur Brönnimann, Sala Suggia

]]> ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA Baldur Brönnimann direcção musical Rui Pereira guião e narração   P. I. Tchaikovski A Bela Adormecida  

]]> Uma bela princesa é vítima de um feitiço terrível, mal acaba de nascer: aos 16 anos picar-se-á numa roca de fiar e permanecerá adormecida durante 100 anos. O que a irá salvar, claro, é o beijo de um príncipe aventureiro. O mais clássico dos contos de fadas, assinado por Charles Perrault, inspirou Tchaikovski a escrever um bailado que ganhou um lugar definitivo no repertório clássico – ainda que o próprio compositor não tenha tido oportunidade de assistir ao seu êxito internacional, que perdura até hoje. As orquestrações brilhantes e as melodias arrebatadoras do compositor russo continuam a emocionar e são a banda sonora perfeita para um Natal onde a fantasia é sempre bem-vinda.

]]>