22 out 2017 domingo 21:00
Sala Suggia
Quartabê · Dianne Reeves
Outono em Jazz
22 Outubro 2017 Dianne Reeves Quartabê
  • Dianne Reeves

    Peter Martin piano

    Romero Lubambo guitarra clássica

    Reginald Veal contrabaixo

    Terreon Gully bateria

     

    Um regresso muito aguardado a Portugal é o da grande diva do jazz Dianne Reeves, para apresentar o seu disco mais recente e entretanto vencedor de um Grammy Award: Beautiful Life. Mestre no esbatimento das fronteiras entre diferentes estilos, também aqui a cantora explora campos muito variados, numa fascinante viagem pelos sons R&B, pop, jazz e latinos, visitando a música de autores tão diversos como Marvin Gaye – “I Want You”, Bob Marley – “Waiting in Vain”, Stevie Nicks – “Dreams” ou Terri Lynne Carrington – “Satiated (Been Waiting)”. Dianne Reeves faz-se acompanhar por um quarteto de luxo formado por Peter Martin (piano), Romero Lubambo (guitarra clássica), Reginald Veal (contrabaixo) e Terreon Gully (bateria), naquele que promete ser um dos momentos mais altos do Outono em Jazz e um concerto absolutamente imperdível.

     

     

    Quartabê

    Joana Queiroz saxofone tenor, clarinete

    Maria Beraldo clarinete e clarone

    Mariá Portugal bateria e MPC

    Chicão piano e teclas

     

    Foi por ocasião do Festival Moacir Santos de 2014 que surgiu o projecto Quartabê, formado por integrantes da banda que então acompanhava Arrigo Barnabé: a secção rítmica de Ana Karina Sebastião e Mariá Portugal e os sopros de Joana Queiroz e Maria Beraldo Bastos. Juntamente com o pianista Chicão, apresentam pela primeira vez em Portugal a sua reinterpretação da obra de um dos gigantes da música popular brasileira, Moacir Santos. Passando por sonoridades tão variadas quando o free jazz, o afrobeat, a música electrónica e o choro, Quartabê conquistou a crítica jazzística com o seu álbum de estreia, #Lição1: Moacir, lançado em 2015, que apresenta agora em digressão europeia. Aí não há qualquer sombra de reverência excessiva às lições do mestre, mas antes uma reconstrução inventiva e ousada das composições acompanhada de uma presença em palco bem-humorada.

    Comentários

    • Quartabê
    • Dianne Reeves
      voz