Fora de série

Projectos, Digitópia Casa da Música, Hotspots e Itinerâncias

  • Projectos

    Estruturantes ou complementares às actividades apresentadas nesta Agenda, mas todos eles formados na autonomia, os projectos do Serviço Educativo da Casa da Música indicam dinâmicas criativas, consistentes e de aturada reflexão. Por linguagens diferenciadoras e sob propósitos próprios, encontram‑se em princípios que nos são caros: incentivam a investigação, acusam inovação e gostam de integrar. No conjunto, revelam multidisciplinaridade, com a música, sempre ela, no nervo central.

    Remetem para programas que se reeditam de ano para ano, respondendo ao calendário predefinido sempre com conteúdos novos, ou formações musicais que se afirmam pela singularidade. Estabelecem-se por práticas precursoras, atitudes desacomodadas. Admitem fusões e servem princípios pedagógicos e artísticos. Vivem na Casa, mas ganham uma dimensão lata, estendendo o seu alcance a públicos alargados e a comunidades, mas também a outros ambientes, outros palcos. São muitos e cada um com a sua história.

  • Digitópia Casa da Música

    Laboratório de música e tecnologia, a Digitópia é um projecto digital assumidamente ubíquo, chamado a intervir em actividades do Serviço Educativo, programas dos grupos residentes da Casa ou projectos de parceria com outras instituições. Em performances, oficinas ou acções de formação, em qualquer domínio que reclame arquétipos de vanguarda, entra em campo uma equipa de investigadores, formadores e artistas comprometida em expandir os domínios da música digital e electrónica, num contexto não académico ou comercial.

    Como irradiador da inovação, entre o ciberespaço e o ambiente físico, a Digitópia mostra lugares onde a criação musical coabita com várias artes e disciplinas. Não existem terrenos intocáveis se existe algo a acrescentar.

    Desenvolvimento de linguagens de programação e ferramentas de autor, criação de instalações e objectos sonoros, interacção com design, luz, vídeo ou arquitectura são exemplos de um trabalho prolífico receptivo à mutação, olhando o próximo passo.

    www.digitopia.github.io

    www.facebook.com/DigitopiaCasaDaMusica

    digitopia@casadamusica.com

     

    José Alberto Gomes curador

    Nuno Hespanhol, Óscar Rodrigues, Pedro Augusto e Tiago Ângelo developers

    Artur Carvalho, Óscar Rodrigues e Ricardo Baptista projectos com comunidades/acções educativas

  • Hot Spots

    Dispersos pela Casa, equipamentos e instalações interactivas convidam a viver o espaço e a música com criatividade. De utilização livre, são oportunidades de realização e descoberta sonora, sob suporte tecnológico amigável, ao alcance de todos. Ocupar o palco vazio de Sonorium, onde o movimento se traduz em som, ou explorar peças e instalações saídas das oficinas da Digitópia, em hot spots temporários, são as possibilidades em aberto que permitem experiências pontuais ou regulares, individuais ou de grupo. Em todos os casos, recomenda-se: por favor, mexer.

     

  • Itinerâncias

    Propostas já estreadas ou encomendas especiais fazem a bagagem de um programa iniciado em 2012 que nunca mais se refreou. Com Itinerâncias respondemos a solicitações e desafios de outras instituições. Nascem no seu âmbito projectos que evoluem para espectáculos, residências artísticas ou acções de formação. Quando o intuito é replicar noutros contextos algum conceito já experimentado, seguem viagem concertos, workshops e formações com uma história feliz na Casa.

    Os destinos são já muitos. Brasil, Japão ou Holanda ajudam a expor a geografia global. E o que vai longe chega também tão perto, corre Portugal. Crescentemente, no país e pelo mundo, alargam-se as parcerias.

    Numa agenda aberta a novos compromissos, há sempre encontros confirmados. Até ao final de 2017 vamos levar os espectáculos Alice no País das Músicas ao Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, em Braga e Guia Prático para Artistas Ocupados a São João da Madeira. No gnration, em Braga, estaremos com o ciclo de workshops Primeiros Bits 2.0, Formação Avançada e 0 + 1 = SOM (Digitópia Itinerante). Em Novembro regressamos ao Tokyo Bunka Kaikan, em Tóquio, com uma Formação de Animadores Musicais. E isto é só o princípio.

     

    O programa Itinerâncias do SE está sempre receptivo a novas solicitações. Quaisquer esclarecimentos sobre as nossas propostas e possibilidades de agendamento poderão ser solicitados através do endereço electrónico seducativo@casadamusica.com.

     

    Espectáculos

    Alice no País das Músicas

    01 Out 11:00

    Conservatório de Música Calouste Gulbenkian, Braga

     

    Guia Prático para Artistas Ocupados

    29 Set, 21:30

    Auditório dos Paços da Cultura, São João da Madeira

     

    Workshops

    Ciclo de Workshops Digitópia Itinerante

    [Primeiros Bits2.0]

    11 Outubro – Outras Partituras

    22 Novembro – É Agora…

    17 Janeiro – 4ª Aumentada

    21 Fevereiro – Som das Coisas

    14 Março – Som a Som

    11 Abril – A partir dos números

    16 Maio – A minha primeira Banda Sonora

    [Formação Avançada]

    30 de Setembro – Circuit Bending

    14 de Outubro – Ableton Live Avançado

    11 de Novembro – Live Coding

    [Workshops 0 + 1 = SOM]

    Setembro 2017 a Junho 2018 Projecto a desenvolver em escolas do ensino básico

    gnration, Braga

     

    Formação

    Formação de Animadores Musicais

    25 Nov-06 Dez

    Tokyo Bunka Kaikan, Tóquio