Sala VIP

Piso 4

Como o nome indica, a Sala VIP foi criada para ser uma espécie de cartão-de-visita da Casa da Música, um espaço distinto e particularmente formal da instituição. No entanto, tem sido sobretudo utilizada para eventos como pequenas conferências de imprensa, recepções, cocktails ou até lançamentos discográficos.

 

Na sua raiz esteve o objectivo de estabelecer uma ponte entre as culturas portuguesa e holandesa, não só pelo facto – com uma importância seminal para a Casa da Música - de o Porto e Roterdão terem dividido o estatuto de Capital Europeia da Cultura em 2001, como ainda por ser Koolhaas, um holandês, o autor do projecto do mais emblemático edifício contemporâneo da cidade. Tal propósito foi cumprido com a aplicação de painéis de azulejos de ambas as origens, evocando uma ligação entre ceramistas, pintores e oleiros portugueses e holandeses que remonta ao início do séc. XVI e se desenvolve até meados do séc. XVII. A vista desta sala oferece uma perspectiva muito abrangente da cidade do Porto, desde o pináculo da Torre dos Clérigos até ao Oceano Atlântico.