5 abr 2019 sexta-feira 21:00
Sala Suggia
Romantismo Sinfónico
Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música
05 - Romantismo Sinfónico
  • tags:
    Agrupamentos residentes
    Sala Suggia

    ORQUESTRA SINFÓNICA DO PORTO CASA DA MÚSICA

    Douglas Boyd direcção musical

     

    Franz Schubert Sinfonia nº 9, “A Grande”

    -

    Franz Schubert Sinfonia nº 8, “Inacabada”

      

    A última sinfonia que Schubert deixou concluída foi aquela em que o compositor mais investiu as suas forças, procurando escrever uma “grande sinfonia” à altura de qualquer das assinadas pelo colosso Beethoven. Deixara misteriosamente por terminar a Oitava, que apesar disso se mantém como uma das mais populares do seu catálogo e a porta de entrada num Romantismo expansivo. Com a profundidade destas obras, seja nos largos desenvolvimentos temáticos que prenunciam os românticos mais tardios, seja no amor declarado à melodia que o acompanhava desde sempre, abre-se um vislumbre do caminho que seguiria o Schubert mais tardio, não tivesse ele morrido com apenas 31 anos.

     

     “[Douglas Boyd] tem a habilidade do maestro nascido para fazer a música soar fresca, para detectar a sua vida interior e o seu pulsar…” THE SUNDAY TELEGRAPH

    Comentários

x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE