Jean-Baptiste Lully

Florença, 28 de Novembro de 1632 / Paris, 22 de Março de 1687

  • Jean-Baptiste Lully deixou cedo a sua Florença natal e a Itália. Aos 13 anos estava em Paris como garçon de chambre ao serviço da prima de Luís XIV Anne-Marie-Louise d’Orléans, a quem ensinava italiano. Aí teve oportunidade de prosseguir os estudos musicais, aperfeiçoou-se no violino e ingressou na corte do Rei Sol onde se tornou um dançarino amplamente apreciado e um compositor muito bem sucedido. Contribuía em grande medida para a influência italiana no meio musical francês, ele próprio povoado por inúmeros músicos seus compatriotas, embora recorresse igualmente a elementos característicos franceses – foi, por exemplo, responsável pela introdução e popularização do minueto na corte, foi pioneiro na utilização da air e teve um papel essencial na dis- seminação da abertura francesa.

    Em 1661 conquistava o cargo máximo de surintendant de la musique de la chambre du roi, naturalizando-se francês na mesma altura. A sua dedicação à escrita de bailados atingiu o auge com a parceria com o actor e dramaturgo Molière, dando origem a várias comédies-ballets. Lully contava com um enquadramento político especialmente favorável ao culto das artes e letras, e talvez isso tenha alimentado o fôlego para não recear o predomínio da ópera italiana e se lançar na afirmação de uma ópera nacional, a tragédie lyrique. Para isso, tornou-se director da recém-criada Academia Real de Música, em 1672, e transformou-a numa verdadeira companhia de ópera. As produções sucederam-se, tanto em Paris como em reposições noutras cidades, e Lully prosperou enormemente até praticamente ao fim da vida. O próprio Luís xiv era presença assídua nas suas criações, até ao momento em que o compositor perdeu os seus favores graças a um conflito moral e aos sucessivos escândalos em que se envolvia. 

     


x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE