José Corvelo

barítono

  • Natural da Ilha das Flores, Açores, José Corvelo é licenciado pela Escola Superior de Música e das Artes do Espectáculo, onde integrou a classe do Prof. Oliveira Lopes. Foi-lhe atribuído o prémio Eng.º António de Almeida pela Fundação com o mesmo nome, que distingue os melhores alunos finalistas das universidades portuenses. Obteve o grau de mestre pela Universidade de Aveiro. Participou em masterclasses com Oliveira Lopes, Fernanda Correia, Rudolf Knoll, Lamara Chkónia, Liliana Bizineche, Enza Ferrari, Francisco Lázaro, Ambra Vespasiani e Ettore Nova. Aperfeiçoou-se no domínio da ópera com Vaz de Carvalho, em Portugal, e com Daniel Muñoz em Madrid. Integrou o Atelier de Ópera da OML.

    Foi solista nas principais obras coral-sinfónicas e em inúmeras óperas onde tem vindo a interpretar vários papéis principais. Participou, como actor/cantor, no filme de Michael Sturminger The Casanova Variations.

    Foi dirigido pelos maestros Osvaldo Ferreira, Pedro Amaral, Paulo Martins, Jorge C. Alves, Ferreira Lobo, Vítor Matos, Jan Wierzba, Sílvio Cortez, Tiago Ferreira, Pe. Ferreira dos Santos, António Sérgio Ferreira, Manuel Ivo Cruz, Gunther Arglebe, Rui Massena, Vasco P. de Azevedo, António V. Lourenço, Christopher Bochmann, Julian Reynolds, Marco Belluzi, Stephen Darlington, António Carrilho, César Viana, José Eduardo Gomes, Cesário Costa, Roberto Pérez, Emily Ray, João Paulo Santos, Giulio Svegliado, Brian Mackay, Martin Lutz, Hans-Christoph Rademann, Esteve Nabona, Enrico Dovico, Gregor Bühl, Marko Letonja, Zsolt Hamar, Nicola Giusti, Martin André, Nikša Bareza, Roberto Manfredini, Lawrence Renes, Giovanni Andreoli, Reynald Giovaninetti, Johannes Willig, Garry Walker, Markus L. Frank e Marc Tardue, entre muitos outros.

    É consultor artístico do CPO.

    Em 2015 foi agraciado com a Insígnia Autonómica de Mérito Profissional, pela Região Autónoma dos Açores. 

     


    2016