Error loading MacroEngine script (file: artista-header.cshtml)
  • Miklós Lukács é um dos mais conhecidos e talentosos executantes de cimbalão da actualidade. O seu estilo singular inspira¬-se na música clássica contemporânea; na música tradicional da Hungria, o seu país, bem como dos Balcãs; e de igual modo no jazz.

    Tocou com músicos de jazz de renome internacional, tais como Charles Lloyd, Archie Shepp, Chris Potter, Steve Coleman, Herbie Mann, Uri Caine e Chico Freeman, entre muitos outros. Atingiu um nível de excelência neste género e afirmou¬-se também no panorama da música clássica contemporânea.

    Lukács tem apresentado como solista as obras compostas por Péter Eötvös para cimbalão, juntamente com várias orquestras prestigiadas (Orhestre de la Suisse Romande, Sinfónica da BBC, Sinfónica Nacional da RAI, Filarmónica de Varsóvia, Filarmónica Estatal de Hamburgo, Sinfónica ORF, etc.). Em Maio de 2014, fez a estreia mundial da obra da capo deste compositor, juntamente com o Remix Ensemble Casa da Música, no Porto.

    Tem sido recebido em palcos respeitáveis como Covent Garden, Royal Albert Hall, Barbican Center, Carnegie Hall, Concertgebouw de Amesterdão e Óperas de Lyon e Bordéus. Tocou também no Festival Yehudi Menuhin, Festival de Outono de Varsóvia e Festivais de Jazz de Londres, Ljubljana e Cork.

    Para além das colaborações com vários ensembles da Hungria, formou o seu quinteto em 2006 – desde então, o Quinteto Lukács Miklós tem¬-se destacado no universo do jazz com a sua voz original e estimulante. Desenvolve também actividade como compositor, destacando¬-se música para teatro, orquestra de câmara, peças solo e concertos para cimbalão.

    Ensina desde 2001 na Escola de Dança e Música Talentum, e tornou¬-se professor e director do departamento de cimbalão no Centro de Talento Musical Snétberger, em 2011. Os inúmeros prémios que recebeu comprovam o seu estatuto.


    2014

  • Obras relacionadas

      • Ordernar por

    • more
x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE