Error loading MacroEngine script (file: artista-header.cshtml)
  • Gonçalo Marques começou por estudar trompete na escola do Hot Clube de Portugal com João Moreira. Em 2001 é escolhido para representar a escola no encontro internacional de escolas de jazz organizado pela IASJ no Berklee College of Music de Boston e é-lhe atribuída uma bolsa de estudo para esta universidade. Em Boston tem a oportunidade de estudar com Tiger Okoshi, Hal Crook, Dave Santoro, Bill Pierce, Ed Tomassi e principalmente com John McNeill do New England Conservatory. Licencia-se em Março de 2005 e regressa a Portugal no final desse ano. 

    Actualmente é um participante activo no meio musical português. Toca regularmente com a Big Band do Hot Clube e com a orquestra LUME, e também com os seus próprios grupos e como freelancer noutros grupos. É responsável por uma jam session regular no café Tati, aos domingos, e é o programador das quartas-feiras de jazz do mesmo espaço. É também responsável pela organização dos workshops de Verão do Hot Clube.

    A sua experiência lectiva é vasta: neste momento é professor na Escola Superior de Música e na Escola do Hot Clube. Relativamente ao ensino aos mais novos, é responsável pelo atelier de jazz do Hot Clube (um curso especialmente dedicado a jovens dos 10 aos 15 anos), director pedagógico do “Férias com Jazz” do Centro Cultural de Belém (curso intensivo de uma semana dedicados a jovens) e foi também responsável pelo programa Jam da Gulbenkian (sessões regulares de divulgação do jazz nas escolas). Tem realizado inúmeros workshops em Portugal e em 2011 foi um dos formadores do workshop de Verão do St. Louis College of Music de Roma.

    Da sua discografia há a destacar o seu primeiro CD como líder – da vida e da morte dos animais – gravado em 2010 para a editora TOAP (com Bill McHenry como convidado), o seu segundo CD como líder – Cabeça de nuvem só tem coração –, a participação no disco do Decateto de Bruno Santos e no segundo disco da orquestra LUME. Em 2016 criou com Demian Cabaud a editora ROBALO, na qual lançou o seu terceiro disco como líder – Canção do homem simples – que conta com a presença do pianista norte-americano Jacob Sacks.

     


    2016 

x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE