Error loading MacroEngine script (file: artista-header.cshtml)
  • Luís Rendas Pereira frequentou o Instituto Gregoriano de Lisboa. Conclui o Curso Superior de Música e o Mestrado em Ensino de Música na Universidade de Aveiro.

    Foi solista em várias obras, destacando-se a Missa da Coroação e Requiem de Mozart, Singet dem Herrn de Telemann, Te Deum de Charpentier, Cantatas BWV 36, BWV 133, 4ª Cantata da Oratória de Natal e Magnificat de J. S. Bach, Sete Últimas Palavras Cristo na Cruz e A Criação (Adão) de Haydn, O Requiem de Berlim de Kurt Weill, Requiem de F. Delius, entre outras. No âmbito operático destaca-se a participação na ópera de câmara de Edward Abreu Ainda não vi-te as mãos, com encenação de Rúben Chama. Luís Rendas Pereira é considerado uma referência em papéis como ‘Bob’ (The Old Maid and the Thief de G. Menotti), ‘Buff’ (Der Schauskspieldirektor) e ‘Guglielmo’ (Cosi fan tutte) de Mozart e ainda ‘Fiorello’ e ‘Oficial’(O Barbeiro de Sevilha de Rossini. Apresentou-se, entre outros agrupamentos, com a Orquestra Filarmonia das Beiras, Orfeão de Leiria, Orquestra do Zêzere Festival Arts, Orquestra Barroca da Casa da Música, Remix Ensemble, Orquestra Clássica de Espinho, Orquestra Clássica da Madeira e Orquestra Ópera no Património. Apresentou-se nestes concertos sob a direcção de António Lourenço, Vasco Negreiros, Brian Mackay, Laurence Cummings, Paul Hillier, Cesário Costa, José Ferreira Lobo e Baldur Brönnimann.

    Durante os estudos foi aluno da soprano Isabel Alcobia. Frequentou o Vocal Performance Certificate na A2DV. Trabalha regularmente com Susan Waters e Pierre Mak. Participa em inúmeras masterclasses de canto, destacando-se figuras como Francisco Lazaro, Patricia MacMahon, Brian Gill, Peter A. Wilson, Håkan Hagegård, Norma Enns, Stephen Robertson e Wolfgang Holzmair.

    Luís Rendas Pereira foi vencedor do 1º Prémio (ex-aequo) no Concurso Internacional de Santa Cecília em 2013 e do 3º Prémio no Concurso Internacional Cidade do Fundão em 2014 e 2016. Em 2014/15 apresentou-se em vários recitais com a pianista Rita Seara, no Teatro do Campo Alegre, na Casa da Música, no Pavilhão Centro de Portugal (Coimbra), na Casa de Fralães (Barcelos), no Hotel Moliceiro (Aveiro) e no Moutaut de Villeréal (França). 

     


    Dezembro, 2017

  • Obras relacionadas

      • Ordernar por

    • more
x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE