Error loading MacroEngine script (file: artista-header.cshtml)
  • Na viragem do século XIX para o século XX, Rimski-Korsakoff foi a figura dominante do meio musical russo. Titular de diversos cargos oficiais e membro do Grupo dos Cinco, fundado por Balakirev, Rimski-Korsakoff foi, sobretudo, um dos mais prolíficos compositores russos de ópera e um dos mais geniais orquestradores de toda a história da música ocidental. Não é de admirar, assim, que as suas obras orquestrais estejam entre as suas melhores criações, nomeadamente as obras programáticas, como é o caso da abertura A Grande Páscoa Russa, op. 36.

    Embora não fosse crente, tinha grande interesse pelos temas (e pela música) relacionados com a liturgia. Entre 1887 e 1888, escreveu três obras para orquestra que haveriam de se tornar das mais emblemáticas da sua produção: Capriccio espagnol op. 34, Shéhérazade op. 35 e A Grande Páscoa Russa (Svetliy prazdnik, em russo). Nesta última peça, o compositor baseia-se em cânticos da liturgia ortodoxa russa (Obikhod), tomando como ponto de partida a temática da Ressurreição e excertos do Salmo 68, 1-2 e de Marcos 16, 1-6.

    Depois de uma extensa introdução lenta de tonalidades por vezes melancólicas (e com recurso a solos, ou passagens solísticas, do violino, do violoncelo, do trombone, do oboé, da flauta e do clarinete), e em que, de certa forma, se assiste ao “despertar” da música, metáfora perfeita para a Ressurreição, segue-se um Allegro festivo e jubilante, sinal da vontade do compositor em ilustrar musicalmente o “aspecto lendário e pagão da festa” durante as celebrações da manhã de Páscoa. A ampla instrumentação e a riqueza da orquestração criam uma paisagem sonora de texturas e ambientes variados que ilustram, de forma palpável, a agitação e, no final, a solenidade das festividades.

    A abertura é dedicada à memória de Modest Mussorgski e Alexander Borodin e a estreia deu-se no dia 3 de Dezembro de 1888 em São Petersburgo, sob a direcção do compositor.


    Francisco Sassetti, 2014

x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE