Error loading MacroEngine script (file: artista-header.cshtml)
  • Colecionador de obras, discos, prémios, elogios, reputação, óculos escuros, hashtags e selfies. Fonte de criatividade e virtuosismo. Eclético, original e visionário. Curioso por definição. Aventureiro por opção. Dono de um coração puro e de Sparky, o Basset Hound. Transpira musicalidade e trabalha para atingir a excelência. Apaixonado pela vida, adora cinema, mitologia, ler, pescar e passar tempo com os seus amigos. Quem se cruza com ele, jamais o esquecerá e sai, desse encontro, humana e profissionalmente mais rico.

    Desde sempre demonstrou uma grande curiosidade e capacidade para explorar diferentes caminhos e idiomas musicais.

    Atualmente a sua reputação internacional, estabeleceu-se pelo seu eclectismo, que vai desde a sua interpretação do repertório standard e contemporâneo para tuba e na sua abordagem estilística ao jazz, funk e à música totalmente improvisada.

    Sérgio Carolino, é um dos mais aclamados tubistas, com atividade constante na qualidade de solista e professor nos mais conceituados festivais, conservatórios e universidades dos cinco continentes. Recebeu em quatro ocasiões o Roger Bobo Award Prize (2008, 2010, 2012 e 2014), o Prémio de Músico Revelação de Jazz em Portugal (2004), o Prémio Carlos Paredes (2004), o Prémio SPA (2013) na Categoria de Música Erudita, pelas obras editadas em 2012 e ação divulgadora da música portuguesa pelo Mundo.

    TGB, TUBAX Duo, TUBAB Duo, R’B&MrSC, The Postcard Brass Band, XL Duo, Surrealistic Discussion, Duo AR., SubWoof3r, Tuba&Drums Double Duo, Duo Adamastor, Funky Bones Factory!, Yamaha Tuba Duo, Moderato Tangabile, T’N T, Mr.SC & The Wild Bones Gang, European Tuba Trio, Massive Brass Attack!, Intergalactic Vibes!, Crossfade Ensemble, correm-lhe nas veias.

    Sérgio Carolino é, desde 2002, tuba solo / principal da Orquestra Sinfónica do Porto Casa da Música, Artista Internacional Yamaha, artista exclusivo da Plataforma Artística Palco Improvisado.

    Toca exclusivamente com bocais, com a sua assinatura, do atelier Brass.Lab MoMo (Osaka, Japão), com a surdina “Mushroom Cup Mute” desenhada e concebida por si e fabricada pelo austríaco Johann Schlipfinger. Sérgio é ainda professor na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE) do Instituto Politécnico do Porto e Diretor Artístico do mundialmente famoso GRAVÍSSIMO! – Festival e Academia Internacional de Metais Graves de Alcobaça.

     

     


    2019

  • Ver & Ouvir

x
A Fundação Casa da Música usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras. Para obter mais informações ou alterar as suas preferências, prima o botão "Política de Privacidade" abaixo.

Para obter mais informações sobre cookies e o processamento dos seus dados pessoais, consulte a nossa Política de Privacidade e Cookies.
A qualquer altura pode alterar as suas definições de cookies através do link na parte inferior da página.

ACEITAR COOKIES POLÍTICA DE PRIVACIDADE